30 outubro 2009

Mais novidades

Pois muito bem, no anterior esgalhanço anunciei uma novidade: a do dvd do concerto com o Conjunto António Mafra, a sair ainda este ano. No entanto, deixei a porta aberta a outras novidades.
Assim sendo, aqui têm acabadinho de sair, o primeiro álbum de partituras com as harmonias das Vozes da Rádio.
Após anos de pedidos, sugestões, conselhos e o que mais quiserem incluir aqui, juntei cinco arranjos de Natal das Vozes da Rádio, re-arranjei-os para coro misto e a AVA - Musical Editions, editou esta semana.
Coros, escolas, tunas, orquestras e outras formações musicais que tenham vozes prontas a berrar, basta carregarem aqui que vos garanto que aterram na página da AVA onde o José embala o Menino ou o It came upon a midnight clear, por exemplo, vos esperam para serem cantados.
Bons ensaios!

28 outubro 2009

Adiando...

O Ratzinger, o verdadeiro pastor alemão do estúdio Casa de Tolos, parece estar a guardar um segredo. Na verdade, é um cão bem dócil e não é a criatura indicada para guardar o que quer que seja.
De resto também não é muito segredo, para quem lá esteve, que o concerto do dia 2 de Maio que nos juntou ao Conjunto António Mafra, foi filmado. Segredo, que agora se revela, talvez só o facto dele vir a ser dvd ainda antes do fim deste ano.
Tenho vindo a adiar este esgalhanço porque, como é costume nestas coisas, há sempre atrasos, problemas, mais atrasos e mais problemas.
No entanto, começa a ver-se uma luz no ecrã e isso garante-nos que a noite de passagem de ano pode já ser passada ao som do Sete e Pico, do Cantinho da Rambóia ou do Ora vejam lá.
Nós, Vozes, temos vindo a seguir as montagens audio e vídeo, o que nos levou algumas vezes à Galiza, e podemos dizer que está fantástico, isto com muita modéstia. Se não fôssemos tão contidos poderia dizer-vos que este é seguramente o melhor dvd alguma vez produzido na Península Ibérica. E só não digo mundial porque o André Rieu e o Michael Jackson também fizeram uns muito bons...
Esperem mais umas 3 semanas e haverá seguramente mais certezas. No entanto, e antes disso, outras novidades aparecerão, mas essas são segredo. Os realizadores e a sua obra. Em cima Jony e Tomi com o Miguel do Estúdio Casa de Tolos. Mais abaixo os ecrãs para escolha de plano. Um espectáculo, em suma.

Raízes


Coisa fantástica no trabalho que perdura é assistir ao amadurecimento, rezinguisse, maniisse, dos colegas. Neste grupo de trabalho já há algum tempo se assiste a várias modificações. Ora incha, ora desincha, ora encareca, ou ocula, ora enruga, ora esbranquiça... o normal. Ultimamente Ginsengam. Mais de 50%, ginsengou desde há uma semana. Parece que o chá que foi tomado em Leiria e que diziam que não, que os efeitos não se notavam... mas afinal tomaram-lhe o gosto e se em Leiria apenas um elemento obscuro se fazia tingir de Ginseng, agora dois elementos mais claros lhe seguiram os passos... e contam maravilhas e maratonas.

Bom, ainda dois resistimos... ajudem-nos! Já vi um filme em que uma invasão extraterrestre se dava de forma pacífica como esta proliferação de pílulas orientais, mas não se ficava bem da cabecinha...

em Estarreja tive uma visão e por isso fotografei o Nuno (o moço do som)

20 outubro 2009

Aos interessados

"Assim como a tiróide precisa de iodo, (...), a próstata não funciona bem sem uma quantidade adequada de zinco. A próstata contém mais zinco do que qualquer outro orgão do nosso corpo.
Zinco é um metal indispensável em muito pequenas quantidades mas uma deficiência pode originar graves problemas de saúde. Cerca de (...) alimentação.
Usado pelo organismo o zinco encontra-se em altas concentrações no esperma e fluídos seminais.
O cérebro tem de ter niveis adequados de zinco de modo a conservar os pensamentos organizados e equilibrados.
Excessiva actividade sexual pode conduzir a uma carência de zinco que pode ser seguida por doenças da próstata e desordens menstruais.
Alimentos ricos (...) entre outros."

in biolife.pt

15 outubro 2009

Metam o Nariz!

Hoje a Operação Nariz Vermelho inaugurou a exposição de narizes famosos no Museu da Electricidade. Infelizmente não pudemos ir lá cheirar, mas não deixamos de estar presentes com 5 coloridos narizes em exposição.
Para quem nunca ouviu o Hino da Operação Nariz Vermelho, na versão Vozes da Rádio, ele aqui fica. Foi há dois anos que a mesma exposição abriu aqui no Porto, na Casa de Serralves, com muito boa gente a meter o nariz... onde é chamado. Metam vocês também e ajudem esta causa.

12 outubro 2009

Eleitos!

Terminada a chamada democrática, damos agora início a mais uma caminhada para a prosperidade, pelo menos de alguns eleitos e seus compinchas. Vamos lá dar início ao festival da cadeira e do tacho. Bom, o costume.
Claro que nestas alturas, como é costume também, muito se fala deste festival e lá vêm os paninhos mais ou menos quentes dizendo que nem todos são iguais e mais coisa menos coisa. O que é certo é que o festival cada vez é mais descarado e de repente os burros somos nós, os invejosos. (Esta dos burros era a piada óbvia do Scolari...) Eu sou da opinião do visionário Professor Marcelo e dos seus vasos comunicantes. Esta visão com a minha de que são todas boas pessoas, aqueles que se enchem de bens e males sempre vão deixar cair algum para eu apanhar, a não ser que os vasos se entupam, claro está.
Ora nós como ajuntamento musical, dedicamo-nos a apanhar alguns bens e males caídos. Durante o mês passado lá andamos nós atarefados em calcorrear Portugal em busca dos tais caídos.

Chegados à Guarda fomos aos caídos do nosso querido Zé António(excelente!)


O nosso menino a pensar nos caídos que viriam pela noite


Vejam a quantidade de gente que foi aos caídos da noite.

10 outubro 2009

Reflexão

Hoje estamos todos a reflectir, como aliás já estivemos há 15 dias atrás. Se continuarmos neste ritmo, ainda acabamos todos monges da Cartuxa, ou budistas, dedicando a nossa vida a profundas reflexões existenciais e metafísicas.
Nós Vozes, e por estes dias, passámos por um acontecimento político, tentando com a nossa arte e talento animar quem ia às bifanas e às bandeirinhas. O resultado até foi positivo, porque quando se canta um fadinho, não há povo que resista. E por aí a nossa Mariquinhas e o não venhas tarde acabam por conseguir esse difícil casamento entre a t-shirt do candidato, a tira de courato e o a cappella. Só nos falta mesmo um momento Amália para conseguir o pleno!
Mas hoje, e mais uma vez lembrando que se trata de um dia de reflexão, deixo-vos aqui uma placa que acredito tenha sido posta pelo poder autárquico. Às já existentes placas com indicações para a praia, farmácia e campismo, juntou-se uma útil "secretaria do cemitério".
Como se pode ver, o sentido é exactamente oposto à das outras placas e isso até me parece lógico. Morto que é morto não procura a praia, nem o campismo, nem muito menos a farmácia que já lhe levou as últimas reformas antes do expiro final. Quer um descanso digno, longe da movida do veraneio.
O que me intriga é exactamente o que é uma secretaria do cemitério. O que é que se passa lá, quem lá trabalha, que equipamento tem, como é a sua decoração. Estas são as minhas reflexões para hoje, quando dei com esta fotografia no meu disco duro. O que será, para este caso, ganhar um jogo na secretaria? Que certidões, declarações e outros documentos se podem tirar lá? Que software é usado? Qual o horário de funcionamento? Terá tickets à entrada? E terá plasma sintonizado na tvi?
A minha curiosidade é muita. Um dia viro mesmo para lá e faço uma visita. Só espero que seja rápida e não eterna, como a da maior parte dos seus visitantes.

05 outubro 2009

Coisa pública

Ora, as datas destas esleições não poderiam ter sido melhor escolhidas. Mesmo a meio, a festa da República. Também as Vozes andam numa espécie de campanha pelo país, a cantar e a pôr a cantar, como aconteceu nestes últimos concertos. E quinta-feira lá aconteceu de novo. Um coro de largas centenas de vozes juntaram-se às nossas vozes e entre outras músicas lá entoaram o "Não venhas tarde". Se calhar num último apelo, não à República que deverá estar aí para durar, mas à liberdade e democracia que sofrem constantes e preocupantes atentados à sua existencia real.

Bom, essa tal de liberdade e democracia foi posta em prática mesmo antes de subirmos ao palco com um digestivo chá de pau-de-cabinda, servido pelo Sr. Santos, que foi tomado por grande parte da comitiva VdR(de fora ficou o Rui, obviamente...)

Momento pau-de-cabinda


video

Momento de ensaio de som a 4

01 outubro 2009

Dia Mundial da Música

Hoje o mundo comemora a música. Curiosamente, pelo que sei, as manifestações são mais visíveis por estes lados, do que são noutras partes, como por exemplo em Inglaterra. Os ingleses com quem por vezes trabalho, acham fantástico que seja notícia e que haja concertos neste dia... Não vou filosofar sobre o que concluir daqui, mas vou aproveitar este canto do tasco para convidar os leirienses e vizinhos a aparecerem no Teatro José Lúcio da Silva para uma noite de Vozes da Rádio. Apareçam... e sim! já li que a Gotinha vai aparecer! Esta nossa amiga internética vai voltar a ver-nos depois de (e puxando pela memória de esgalhanços antigos) ter estado no Porto Cantado em 2001. Espero que para ela e para todos valha a pena! Até lá, então.