31 maio 2007

É que tinha que estar aqui!

… O problema é que nem sei bem como começar. Quando é que ouvi pela primeira vez Sérgio Godinho? Não sei… Quantas cantigas dele conheço? Também não sei… Qual a melhor? Não faço a mínima ideia…
O destino e o Porto 2001 possibilitaram-nos cantar com o Sérgio e trabalhar um pouco mais de perto com ele. No Porto Cantado cantámos com o Sérgio e o Reininho uma canção da Tuna Portucalense cujo título julgo ser Noites do Porto, e que era uma loa às noites e mulheres daqui do burgo. Uma coisa bem marialva.
Ao pensarmos nos amigos que iríamos convidar para cantarem connosco, o Sérgio saltou mais do que naturalmente. Para quem não sabe, o Sérgio bem antes de haver Vozes, gravou O Carteiro dos Mafras, e fez com esse tema ganhasse no final dos 80 uma vida nova.
Neste nosso disco o Sérgio escolheu Na Barraca do Luís e cantou como só ele sabe. E acabo como comecei. Sem lá bem o que dizer. É ouvir, pois claro!

O Sérgio durante a gravação. E assim já vamos em 6: o Newmax, o Sérgio Castro, os Mafras, o Reininho e o Veloso. Para sete e pico, oito e coisa, nove e tal ainda faltam alguns... se calhar mais do que o número de dias para o disco estar cá fora.

4 comentários:

Anónimo disse...

Bem! Alguém já tinha dito que isto promete!
A curiosidade está ao rubro!
Nem será necessário dizer que vai ser fantabulástico!!!

Beijinhos!
Continuem a esgalhar, estamos cá para ler!

São Rosas disse...

A dúvida mantém-se: será que o Sérgio Godinho gosta de leitão? E tofu?
Uma vez encontrámo-lo no aeroporto, quando vínhamos de uma actuação em Malta (ou teria sido no Chipre, maldito Alzheimer?!...). Ele vinha de Itália. Estivemos um pouco à conversa. Devia ter aproveitado para lhe perguntar se gosta de leitão... e de tofu...

Câta disse...

Excelente!!! E o último CD dele está tão bom como os outros todos!

Gotinha disse...

São rosas,
as Vozes vão a Caria??!