03 junho 2008

Crianças

No passado domingo estivemos umas horas no Parque da Cidade aqui no Porto, a convite da SIC, para participarmos num programa televisivo "O melhor do Mundo". O programa que teve transmissão directa foi continuamente entrecortado ora por publicidade, ora pelo Rock in Rio, ora ainda pela nossa selecção que nesse dia andou de avião. E que linda foi a tarde televisiva, variada, colorida, sempre pulando: era Floribella, na versão Luciana, era a Ana Rita, nossa antiga amiga da NTV na Bela Vista, era o Pedro Moutinho no estúdio e era o Quaresma a coçar os genitais no avião. Passou-me pela cabeça que se em vez de 1 de Junho fosse 13 de Maio, então nada teria mudado desde os tempos dos 3F's! Só a televisão, que agora é a cores.
O nosso F, o do Fado, foi ter de gramar (aqui há um trocadilho muito subtil: a organização da SIC, sem ter onde por os convidados deixou-os na relva, grama para os brasileiros) umas horitas até ao momento em que a Luciana e as suas duas novas amigas, amarfanhadas numa linda camisola, nos chamasse para um momento histórico: o Setor, que há uns anos passou pela escola de Aldoar, tinha os seus alunos, disciplinados e bem educados, a gritarem freneticamente por ele! Sim, esse foi o momento histórico a que a Luciana se refere no fim do vídeo! Os mesmos que a alto e bom som gritavam e cantavam "És tão boa, és tão boa" quando a Flori subia ao palco, só se calaram quando viram o Miúdo! "Ei, é o Setor!" E vai daí as atenções deles viraram-se para o nosso Miúdo. E quem canta "papagaio loiro..... pró meu namorado..." arrisca-se ao melhores piropos do dia!
Neste nosso medley infantil ficou de fora uma canção. Pela primeira vez houve censura nas Vozes. Um dos elementos, de voz e ar grave, recusou-se a cantar o "Pretinho Barnabé". Argumentou ele racismo, antipedagogia e choque social! Nós, caucasianos, tudo fizemos para demovê-lo... mas nada. No entanto, e porque dentro de nós há sempre um "Pretinho Barnabé", fizemos no decorrer do medley várias citações do referido tema. Fica o desafio para procurarem todas as invocações, incrustações, e outras coisas que terminem em ões que nós pusemos neste singelo arranjo. Sempre com o sentido no Barnabé!

2 comentários:

São Rosas disse...

Calhou-vos o "F" e vocês perderam uma oportunidade de ouro de fazer história num programa de televisão para crianças!
No 9º Encontra-a-Funda irá haver uma peça de teatro em que abordaremos a letra "F" comilfô ("como deve ser", em francês). Cof... cof... cof... cof...

Tany disse...

Coitado do Miúdo que acho que vai passar a ser conhecido pelo Papagaio louro hi hi...

Quanto ao pretinho Barnabé... Não tou a ver do que falas... mas diz-me uma coisa... Nunca vi uma pulga a saltar só com um pé :P

Acho que este momento foi histórico em todos os sentidos, mas adorei o vosso coro no "atirei o pau ao gato", foi lindo ;)

Bjinhos